JSL – empresa que pertence a holding Simpar (BOV:SIMH3) recebeu notificação do Conselho Administrativo de Defesa Econômica (CADE) que aprovou sem restrições a aquisição de 100% da Moreno Holding, detentora da integralidade da Transmoreno.

O Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) já tinha aprovado também a aquisição da transportadora Fadel Holding sem restrições.

O comunicado aconteceu na noite desta quarta-feira (08). A JSL anunciou a compra de 100% da Moreno Holding, controladora da Transmoreno Transporte e Logística, no fim de setembro. A empresa tem sede em São José dos Pinhais (PR) e que atua nos segmentos de transporte de veículos sobre carretas (cegonhas) e prestação de serviços de logística automotiva.

“A Transmoreno é uma das principais empresas de serviços logísticos para o setor automotivo do Brasil”, lembra a JSL, em comunicado ao mercado.

A empresa tem entre seus principais clientes a Renault, a Nissan e a Volkswagem.

Atua principalmente no transporte de veículos novos e prestação de serviços de abastecimento, armazenagem e outros.

“A JSL, dado o seu DNA de busca constante por diferenciação na prestação de serviços, acredita que poderá trazer novas soluções e tecnologia para o segmento de transporte de veículos, impactando positivamente o ecossistema com redução de custos para nossos clientes e caminhoneiros, perpetuando nossas relações comerciais”, diz.

A Transmoreno tem um modelo de negócios baseado na contratação de uma rede de caminhoneiros terceiros e é considerada uma empresa leve em ativos (Asset Light).

A aquisição visa aumentar a capilaridade e densidade da rede de caminhoneiros terceiros da JSL.

Em 2019, a quantidade de veículos transportados pela Transmoreno foi de 100,4 mil e a distância média foi de 1.349 km.

O grupo Simpar pretende divulgar os resultados do 3T20 no dia 12 de novembro.